É sempre bom aprender algo novo: Reflex Trading

BXS_hero_mobile-final

Caríssimos, escrevo-vos hoje para vos falar um pouco sobre um tema novo para X, o qual foi abordado num breve webinar que X assistiu o mês passado. Falo-vos de Reflex Trading.

Tal como o nome indica Reflex Trading tem por base ser uma resposta a um acontecimento, ser um acto reflexo. Trocando por miúdos, esta abordagem sugere que se deva investir/desinvestir num certo activo em resposta a um acontecimento.

O speaker do Webinair, Eion Treacy, director de um fundo de investimento responsável por mais de 600 milhoes de dólares, escritor, analista e comentador económico em vários canais de televisão, avança alguns acontecimentos regulares com impacto nas bolsas de valores, de modo a que se tire valor dos mesmos numa base regular.


O primeiro, e mais interessante baseia-se em contas de investimento com beneficios fiscais (tais como IRA e 401K nos Estados Unidos), algo como um PPR (plano poupança reforma) em Portugal, ou uma SIPP ou ISA em Inglaterra.

Pois bem, nos EUA, os trabalhadores normalmente recebem o seu ordenado de duas em duas semanas, e por base regular investem uma parte dos seus rendimentos em fundos de investimento, na esperança de fazer crescer as suas poupanças para quando a reforma chegar, mas também para beneficiar de impostos mais leves sobre os seus rendimentos. Tal como em Portugal são dedutíveis ate 20% dos investimentos num PPR ate um total de 2000€ de contribuições, ou 400€ de deduções). De notar que em Inglaterra e ainda mais nos EUA estes beneficios são muito maiores, motivando os cidadãos a pouparem para as suas reformas, ambicionando a sua independência financeira, dependendo o mínimo possível do estado, o que diga-se de passagem, X concorda plenamente, mas adiante!

stock-market-euphoria-might-be-at-an-all-time-high

Estes fundos investem então os depósitos dos aforradores em títulos de divida publica, obrigações, matérias primas, mas essencialmente na bolsa de valores, e mais: na bolsa de valores americana (tanto por ser bolsa com maior capitalização a nível global, mas também devido ao facto da generalidade dos investidores ter tendência a investir substancialmente no mercado domestico), e mais: especialmente no índice Dow Jones, que segue as 30 maiores empresas americanas.

O que acontece então é duas vezes por mês, todos os meses, todos os anos, pelo menos 50 milhoes de aforradores irão investir as suas poupanças na bolsa de valores Americana, o que gera um fluxo de capital cerca de 60% mais elevado nestes dias do que a media diária. Este aumento da procura, com igual oferta tenderá a fazer os preços subirem. Não sendo garantido, é de facto provável que tal aconteça numa base regular, tal como comprova o back testing de 20 anos que Eion Treacy se propõe a partilhar. Desta forma o plano passara por investir (abrir posição) no indice Dow Jones imediatamente antes do dinheiro dos aforradores inundar o a bolsa de valores e fazer os preços subirem, vendendo o investimento no indice (fechando posição), assim que os preços atinjam um certo nível.

Eion Treacy sugere que o investimento seja feito com alavancagem através de spread betting (algo que X ainda tem que estudar, e que mais tarde vos gostaria de explicar o que é, e como funciona), de modo a aumentar os ganhos (ou as perdas) com um menor nível de investimento.

Para tal avançar com toda a informação, datas especificas, para comprar, vender e mais alguns outros investimentos que irei falar a baixo, Eion Treacy pede £1500 para a subscrição de um ano, ou £2000 para a subscrição de 2 anos. Valera a pena?

Tudo parece fazer sentido e na opinião de X é algo a considerar no futuro, mas dados os valores da carteira de X, tamanha investimento parece-se ser demasiado arriscado, de modo a que (por agora) X não pagou para ver.

Se quiserem subscrever ou informarem-se um pouco mais sobre o tema, podem aceder ao site da Southbank Investment Research.


Sem qualquer tipo de duvida que monitorizar a entrada do dinheiro dos aforradores e investir de acordo com o mesmo me pareceu o ponto mais importante abordado por Eoin Treacy, mas ele também falou de outros, dos quais apenas irei mencionar outro que me despertou a atenção.

Furacões

Os furacões são uma realidade comum no golfo do México, onde estão localizados importantes plataformas de extracção de petróleo. Assim que a rota de um furacão é prevista passar perto de uma dessas plataformas, a mesma tem que ser evacuada, não extraindo crude, diminuindo a oferta, mantendo-se a procura, irá causar a subida dos preços. Então o plano passara por comprar petróleo antes da plataforma ser encerrada, vendendo-o posteriormente a um valor bem mais elevado.


 

Para X, esta informação pode ser muito importante, todavia faltam os detalhes essenciais dos timings, de que X não se encontra disponível para pagar para os ter, todavia esta informacao acaba por ser no mínimo um “abre olhos” para novas abordagens e novas realidades, o que só por si é um ponto muito positivo.

Espero que tenham gostado e quem sabe que vos tenha despertado a atenção. Quem sabe um dos nossos leitores mais corajoso e/ou endinheirado tenda a agir e por a estratégia em pratica. Se for o caso, tanto X como W teriam todo o prazer em contar com um post vosso a partilhar a vossa experiência.

Para a semana há mais, meus caros!

X

Publicado por

Senhor X

Mais uma pessoa aleatória a tentar vingar na vida, ambicionando a independência financeira o quanto antes!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s